HOME | GERAL | ESPORTES | POLÍTICA | CIDADES | SAÚDE | POLICIAL | INTERNACIONAL | FOTOS | VÍDEOS | TORPEDOS

 

...

20/11/2017
Após cinco anos, Romero entrega mais uma obra do Governo Veneziano: a UPA porte II



O que o atual deputado federal, Veneziano Vital do Rêgo (PMDB), havia dito no final do ano de 2012 (no encerramento da sua gestão), volta a se concretizar, repetindo as solenidades de anos anteriores: que a administração Romero Rodrigues (PSDB) passaria boa parte do tempo entregando obras conquistadas ou iniciadas na antiga administração. É o caso da entrega, por parte da Prefeitura, nesta terça-feira, (21), da segunda UPA Porte II, na Avenida Dinamérica.

 

Em anos passados, o atual prefeito inaugurou o Ginásio Poliesportivo do bairro Presidente Médici; mais de 200 apartamentos no Residencial Vila Nova da Rainha e até casas no Novo Horizonte, muitas dessas obras com mais de 80% efetivadas e concluídas no Governo peemedebista.

 

O que não se constata na atual gestão, passados quase cinco anos, é encontrar uma obra com o DNA do PSDB. Obras importantes ainda estão abandonadas ou paralisadas, com o fechamento de dois restaurantes populares e dezenas de cozinhas comunitárias; abandono das Vilas Olímpicas de José Pinheiro e Malvinas, além da contratação de mais de 7 mil servidores sem concurso público.

 

O prefeito, na verdade, tem dito, repetitivamente e cansativamente, nos cinco anos da sua gestão, que está construindo o maior conjunto habitacional do Brasil na cidade, sendo que mais de 90% dos recursos são do Governo Federal. Mesmo assim, apesar da promessa feita há dois anos, não conseguiu entregar uma casa sequer.

 

A SEGUNDA UPA – A gestão Veneziano foi marcada por investimentos importantes na área de saúde, com as construções e reformas de novas unidades de saúde; aumento das equipes do PSF de 33% para 90%; construção da Primeira UPA, no Alto Branco; efetivação do Hospital da Criança; criação do Centro de Psiquiatria no Hospital Edgley Maciel (fechado pela atual gestão), entre outros.

 

A ordem de serviço da segunda UPA foi assinada por Veneziano Vital no dia 25.10.2012 e a previsão era que a obra fosse concluída em abril de 2013. O projeto ainda previa a urbanização de toda a Avenida.

 

A nova UPA de Campina Grande será de porte II e terá capacidade para realizar 250 atendimentos médicos por dia. A unidade contará com 11 leitos para internação, raio-x, sala para inalação e consultórios.

 

Redação 






 
 
 



 

 

 

 

www.jornaldeverdade.com.br

  Jornalistas do Programa: Juarez Amaral
Paulo Roberto
Polion Araújo
Carlos Magno

Programa diário na Rádio Cidade Esperança - 1310 AM
Contatos pelo telefone: (83) 3349-2013 / (83) 3341-4999