HOME | GERAL | ESPORTES | POLÍTICA | CIDADES | SAÚDE | POLICIAL | INTERNACIONAL | FOTOS | VÍDEOS | TORPEDOS

 

...

06/07/2017
Câmara de Bayeux decide hoje futuro de Berg Lima após prisão

A Câmara Municipal de Bayeux realiza hoje, às 9h, uma sessão extraordinária para discutir a situação do prefeito Berg Lima (Podemos), que foi preso ontem, em flagrante, por crime de corrupção ativa. Ele teria extorquido um empresário fornecedor da prefeitura, cobrando até 50% do valor que ele teria a receber de pagamentos atrasados na Prefeitura. O presidente da Câmara, Mauri Batista, mais conhecido como Noquinha, chegou a convocar uma reunião na tarde de ontem para decidir o futuro do prefeito, mas resolveu, em comum acordo com os demais vereadores, adiar para hoje.

 

De acordo com Mauri, os vereadores aguardavam uma decisão oficial da Justiça, sobre manutenção da prisão, e mais informações sobre o processo e as investigações. “Iremos discutir e avaliar o que será feito diante da situação que temos pela frente. O prefeito tem direito a defesa para responder pelas acusações”, frisou.

 

A Prefeitura Municipal de Bayeux enviou uma nota de esclarecimento, onde afirma que o prefeito foi vítima de uma "armação política que se utilizou de um empresário inescrupuloso para tentar destruir um mandato obtido por meio da maior votação da história do município. O prefeito confia na Justiça e irá esclarecer os fatos, provando que não praticou qualquer ato ilegal contra o povo e a cidade".

 

O procurador jurídico da Câmara, Aécio Farias, informou ainda que está tomando ciência do teor do processo para orientar os vereadores, para diante das informações da Justiça e do prefeito, tomarem alguma decisão. Berg Lima tem 31 anos e foi eleito para seu primeiro mandato eletivo em 2016 com 33.437 votos (58,92%) derrotando o então prefeito Expedito Pereira (PSB).

 

Redação 






 
 
 



 

 

 

 

www.jornaldeverdade.com.br

  Jornalistas do Programa: Juarez Amaral
Paulo Roberto
Polion Araújo
Carlos Magno

Programa diário na Rádio Cidade Esperança - 1310 AM
Contatos pelo telefone: (83) 3349-2013 / (83) 3341-4999