HOME | GERAL | ESPORTES | POLÍTICA | CIDADES | SAÚDE | POLICIAL | INTERNACIONAL | FOTOS | VÍDEOS | TORPEDOS

 

...

05/06/2017
Levantamento aponta que nível de escolaridade dos prefeitos paraibanos ainda é considerado é insuficiente


Levantamento aponta que nível de escolaridade dos prefeitos paraibanos ainda é considerado é insuficiente

 Apesar do nível de escolaridade dos prefeitos paraibanos ter subido nos últimos 12 anos, o grau de instrução elevado ainda é insuficiente para garantir a qualificação da gestão pública e para coibir a prática de irregularidades administrativas. É o que afirmam representantes dos órgãos de controle e fiscalização, magistrados e especialistas que lidam diariamente com demandas envolvendo os gestores públicos.

Conforme levantamento realizado junto à Justiça Eleitoral, de 2004 para cá aumentou em mais de 5% o número de prefeitos com curso superior e o número de graduados é mais da metade. Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), dos 223 prefeitos eleitos nas eleições do ano passado, 114, o correspondente a 51,12%, são formados. Na eleição de 2004, 108 prefeitos possuíam curso superior completo (48,43%).

Nas eleições do ano passado, dos 223 prefeitos eleitos na Paraíba, 14 possuem apenas o ensino fundamental incompleto; 52 o ensino médio completo; 17 ensino fundamental completo; quatro lê e escreve; sete tem o ensino médio incompleto; e 15 superior incompleto. O acompanhamento das administrações municipais emissão de medidas cautelares.

Redação 






 
 
 



 

 

 

 

www.jornaldeverdade.com.br

  Jornalistas do Programa: Juarez Amaral
Paulo Roberto
Polion Araújo
Carlos Magno

Programa diário na Rádio Cidade Esperança - 1310 AM
Contatos pelo telefone: (83) 3349-2013 / (83) 3341-4999