HOME | GERAL | ESPORTES | POLÍTICA | CIDADES | SAÚDE | POLICIAL | INTERNACIONAL | FOTOS | VÍDEOS | TORPEDOS

 

...

28/05/2017
JP, Capital da Paraíba, terá I Marcha pela Vida e contra o aborto neste domingo


João Pessoa, Capital da Paraíba, terá I Marcha pela Vida e contra o aborto neste domingo

 Com o lema “Toda vida é especial”, integrantes de segmentos religiosos e instituições da sociedade civil organizada participarão neste domingo (28) da I Marcha pela Vida de João Pessoa, que partirá da Avenida Ministro José Américo (Beira Rio) com destino ao Busto de Tamandaré, onde acontecerá um show musical.


O objetivo do evento é defender a vida desde o momento da concepção e informar a população sobres os mitos acerca da legalização do aborto.

“Vamos nos manifestar, de forma pacífica, contra a decisão arbitrária do Supremo Tribunal Federal de se posicionar favorável à descriminalização do aborto até o terceiro mês de gestação. Também somos contrários ao julgamento para a legalização do aborto nos casos de gestantes com vírus da Zika, que indica uma sentença aos bebês com microcefalia”, disse André Luiz Lucena, coordenador do Grupo Espírita Ave Luz e membro do Comitê Paraibano da Cidadania pela Vida – Brasil sem Aborto.

Durante o evento, serão repassadas informações sobre o Estatuto do Nascituro e a PEC da Vida, que tramitam no Congresso Nacional. A marcha encerrará a Campanha em Defesa da Vida, que acontece desde o início do mês com palestras, panfletagens e visitas às maternidades. No último domingo, 80 voluntários percorreram cerca de 50 km, da Ponta do Seixas à Cabedelo, distribuindo panfletos contendo mitos e verdades sobre a legalização do aborto.

No sábado (dia 21) outro grupo visitou as maternidades Frei Damião e Cândida Vargas. As mães e os bebês foram homenageados com música, mensagens e brindes. Aos 26 anos, a empregada doméstica Jéssica Gomes, deu à luz ao quinto filho. Ao lado do pequeno Emanuel, ela disse que nos momentos de aflição pensou em interromper as gestações. “Só planejei uma gravidez, mas não tive coragem de abortar dos outros quatro. Não vou dizer que não pensei nisso, mas quando imaginava que tinha uma vida crescendo dentro de mim, perdia a coragem. Não imagino a minha vida sem nenhum deles”, disse.

O Comitê Paraibano da Cidadania pela Vida – Brasil sem Aborto luta para que todas as vidas sejam respeitadas, inclusive a das pessoas com qualquer tipo de deficiência ou deformidade. “Deficiente também é gente e merece nascer. Somos contra a política eugenista de eliminar os bebês que não são considerados perfeitos à luz da medicina, ” disse Helena Holanda, vereadora e diretora do Centro de Atividades Especiais Helena Holanda. Ela participará da marcha. O evento contará com a participação dos grupos Acorde, Canto & Luz, Limiar, Harmonia & Luz e do músico Yuri Carvalho, da Banda ADZ. Também haverá distribuição de panfletos.

Brasil tem 100 mil abortos por ano

Uma em cada quatro gestações acaba em aborto. São cerca de 56 milhões de vidas interrompidas a cada ano em todo o mundo, segundo relatório publicado em 2016 pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e Instituto Guttmacher. No Brasil, são aproximadamente 100 mil casos por ano, segundo o Ministério da Saúde.

“Os grupos que defendem a legalização do aborto divulgam números falsos, que, de tanto serem repetidos, acabam aceitos como verdades. Nossa missão é esclarecer a sociedade sobre a realidade que cerca o aborto, tendo como premissa fundamental o fato de se atentar contra a vida de um ser humano que, com respaldo da ciência, inicia-se na concepção”, disse André.



Assessoria de Imprensa






 
 
 



 

 

 

 

www.jornaldeverdade.com.br

  Jornalistas do Programa: Juarez Amaral
Paulo Roberto
Polion Araújo
Carlos Magno

Programa diário na Rádio Cidade Esperança - 1310 AM
Contatos pelo telefone: (83) 3349-2013 / (83) 3341-4999