HOME | GERAL | ESPORTES | POLÍTICA | CIDADES | SAÚDE | POLICIAL | INTERNACIONAL | FOTOS | VÍDEOS | TORPEDOS

 

...

07/02/2017
PRF flagra 2.685 motoristas em alta velocidade na PB este ano

PRF flagra 2.685 motoristas em alta velocidade na PB este ano

 O excesso de velocidade é uma das principais causas de acidentes de trânsito nas rodovias federais que cortam a Paraíba. Só este ano, de primeiro de janeiro a 5 de fevereiro, 2.685 condutores já foram flagrados trafegando com velocidade acima do permitido, uma média de 74 infratores pegos por dia.

Os dados são da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que informou, ainda, que as BRs 230, 101 e 104, que têm fluxos mais intensos, registram o maior número de ocorrências desse tipo. Nessas vias, a maior velocidade registrada em 2017 atingiu o patamar de 178 Km/h. Mas os números são ainda mais impressionantes quando se leva em conta apenas os fins de semana. Neste último, de sexta (3) a domingo (5), foram 725 flagrantes de excesso de velocidade, uma média de 241 infratores por dia - conforme a assessora de imprensa da PRF, a agente Nathália Freire. “É importante alertar para os riscos que os condutores se expõem ao praticar condutas tão nocivas no trânsito. Controlar a velocidade de um veículo é uma tarefa complexa e difícil por conta de vários fatores que precisam ser superados”, frisou, ao acrescentar que os motoristas precisam estar atentos aos limites do trecho da rodovia em que trafega”.

A agente lembrou também que o conforto dos veículos e a falta de sensação do excesso muitas vezes levam o condutor a cometer a infração. “Então a dica é ficar sempre verificando o velocímetro”. Ainda segundo Nathália Freire, a Polícia Rodoviária Federal está atenta, a fim de coibir esse tipo de infração.

Por isso, as fiscalizações de velocidade ocorrem diariamente nas rodovias federais do Estado e os pontos de inspeção normalmente são eleitos de acordo com os índices apresentados de taxa de acidentes ou mortes. Além dos radares fixos instalados, diversos radares fotográficos portáteis estão em operação, inclusive trabalhando de forma sequenciada.

“Ou seja, um mesmo condutor pode ser flagrado diversas vezes em uma mesma viagem durante seu trajeto”, contou, ao apontar que em altas velocidades a possibilidade de causar um incidente é maior, já que o carro demora mais para obedecer ao comando de frenagem. “Se o usuário é atento, obediente e compreende os riscos, normalmente não se envolve em acidentes”.

A multa por excesso de velocidade pode variar de infração média a gravíssima, dependendo do limite ultrapassado. Se ele for de 20% acima da máxima permitida, a infração é média, computa quatro pontos na carteira e implica uma multa no valor de R$ 130,16. Caso o excesso fique na faixa de 20 a 50% acima, a transgressão se torna grave e o condutor perde cinco pontos no documento de habilitação, além de pagar uma multa de R$ 195,23.

Redação com PRF 






 
 
 



 

 

 

 

www.jornaldeverdade.com.br

  Jornalistas do Programa: Juarez Amaral
Paulo Roberto
Polion Araújo
Carlos Magno

Programa diário na Rádio Cidade Esperança - 1310 AM
Contatos pelo telefone: (83) 3349-2013 / (83) 3341-4999