HOME | GERAL | ESPORTES | POLÍTICA | CIDADES | SAÚDE | POLICIAL | INTERNACIONAL | FOTOS | VÍDEOS | TORPEDOS

 

...

21/05/2014
Apesar de receber precipitações chuvosas açude de Boqueirão está com apenas 17% da sua capacidade hídrica

As últimas chuvas caídas na Paraíba, especialmente na região do Cariri do Estado tem levado um grande volume de água ao rio Taperoá para o açude Epitácio Pessoa (Boqueirão). Apesar disso o volume de água do açude que abastece Campina continua num nível muito baixo.

Com apenas 17% de sua capacidade útil, o Açude de Boqueirão enfrenta a maior seca dos últimos 10 anos.

O rio Taperoá é um dos principais canais que leva água ao açude Epitácio Pessoa, no município de Boqueirão. A expectativa é que nas próximas horas o manancial possa receber um grande aporte de água.

Em fevereiro deste ano, o açude Epitácio Pessoa em Boqueirão, recebeu uma carga nova de água de 4 centímetros. Isso correspondeu a 536 mil metros cúbicos de água, quantidade equivalente a quase dois dias de consumo e evaporação. De acordo com o coordenador do Departamento de Obras contra a Seca (Dnocs) em Boqueirão, Everaldo Jacobino de Moura, a recarga de 4 cm foi ocasionado pela água que correu através de riachos localizados na bacia do açude.

De acordo com a meteorologista da Agência Executiva de Gestão das Águas (AESA), Marlem Bandeira, a tendência é que Boqueirão continue recebendo água este mês, visto que a previsão é de mais chuvas. Somente em Cabaceiras, conhecida como a cidade que menos chove no Brasil, choveu 150 milímetros este ano. No final do ano passado, ele recebeu uma recarga de aproximadamente 2 milhões de m3, algo equivalente a sete centímetros de sua lâmina.

Redação






 
 
 



 

 

 

 

www.jornaldeverdade.com.br

  Jornalistas do Programa: Juarez Amaral
Paulo Roberto
Polion Araújo
Carlos Magno

Programa diário na Rádio Cidade Esperança - 1310 AM
Contatos pelo telefone: (83) 3349-2013 / (83) 3341-4999